5 dicas para aprender a recrutar desenvolvedores de software

5 dicas para aprender a recrutar desenvolvedores de software

A tecnologia tem tomado conta do mercado de trabalho. São várias empresas de base tecnológica que surgem a cada dia e empresas tradicionais que vem procurando maneiras de inovarem seus processos. Esse fato trouxe a necessidade das empresas investirem no recrutamento de desenvolvedores de software.

5-dicas-para-aprender-a-recrutar-desenvolvedores

 

Os profissionais de RH tem que, cada vez mais, se adaptar ao perfil técnico de candidatos e saber analisar as capacidades de programação, para que o processo de contratação seja conduzido de uma maneira coerente e assertiva.

Pensando nisso, separamos aqui algumas dicas e boas práticas que envolvem o recrutamento de desenvolvedores para sua empresa:

1- Treine a análise de currículos técnicos

Muitas vezes o currículo de um desenvolvedor é complexo e recheado de linguagens de programação e projetos anteriores que, frequentemente, tornam difícil a interpretação do documento. As constantes mudanças do mercado de tecnologia também contribuem, aumentando o grau de dificuldade dessa análise. Porém, existem algumas práticas que facilitam o entendimento do currículo.

O estudo sobre os nomes e tecnologias utilizadas e suas funções é um dos primeiros passos nessa caminhada. Por exemplo, o recrutador deve ter em mente que Python é uma linguagem para desenvolvimento de sistemas back-end.

Semelhanças irão surgir ao longo do tempo, trazendo a informação de quais são as habilidades essenciais para um bom programador e quais o desqualificam.

2- Pesquise mais sobre o mercado

É muito importante para o recrutamento de desenvolvedores estar atualizado sobre o mercado de tecnologia. O recrutador deve se atentar às novas tecnologias que tem surgido no mercado, além dos frameworks e linguagens que são tendência e possuem um maior número de desenvolvedores capacitados.

Sempre aparecem pesquisas que enfatizam quais tecnologias estão em alta, a faixa salarial dos desenvolvedores, assim como as empresas nas quais mais gostam de trabalhar.

3- Use softwares que auxiliam o recrutamento

No mercado atual tem se destacados softwares que facilitam os processos empresariais, quando tratamos de recrutamento de desenvolvedores não é diferente. Existem softwares que analisam redes sociais profissionais, projetos passados e experiência e compilam em um perfil profissional de fácil leitura para o recrutador.

Além disso, o uso de inteligência artificial possibilita que essas plataformas filtrem os melhores perfis e otimizem o tempo gasto na contratação.

4- Peça ajuda ao departamento técnico

Um dos grandes aliados do recrutador quando se trata da contratação de programadores é o departamento técnico da empresa, caso ela já conte com um time de desenvolvedores. Perguntar questões específicas e pedir ajuda para montar o job description podem dar um norte ao recrutamento e, consequentemente, aumentar sua assertividade.

5- Aprenda recrutamento de desenvolvedores com uma referência do mercado

Tirar informações direto da fonte é uma das melhores maneiras de aprender. Procure saber quem são os melhores recrutadores de desenvolvedores de sua empresa, ou sua cidade, dentro ou fora de seu círculo social. Depois procure saber a trajetória desse profissional até se tornar referência, assim será possível ter insights se o seu caminho está na direção certa.

É importante manter contato com essas pessoas, pois se você precisar de um conselho ou uma mentoria, tem a quem recorrer.

Seguindo essas dicas, o caminho até se tornar um bom recrutador de desenvolvedores será mais proveitoso e com resultados mais rápidos, assim você se tornará uma peça chave para a área de tecnologia da empresa.

Esse post foi escrito pelo departamento de marketing da Vulpi, plataforma para recrutamento e seleção de desenvolvedores.

Preencha o formulário para solicitar contato

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *