Como motivar seus funcionários: recompensas ou punição?

Como motivar seus funcionários: recompensas ou punição?

como-motivar-seus-funcionarios

Um bom líder sabe que deve motivar seus funcionários, mas às vezes não tem certeza de como fazer isso. É melhor oferecer recompensas vistosas ou punições severas? Não existe uma resposta pronta para esse tipo de pergunta, pois varia de acordo com cada indivíduo e cada situação. No artigo de hoje nós falamos um pouco mais sobre como motivar seus funcionários para você acabar de vez com suas dúvidas.

Motivação baseada em punições

O escritor renascentista Nicolau Maquiavel escreveu uma frase famosa, da qual você já deve ter ouvido falar: é melhor ser temido do que amado. Essa frase que está na boca do povo saiu de um livro publicado em 1532 e ainda serve como base para muitos líderes defenderem a ideologia das consequências, da punição.

Partindo desse pressuposto, a gestão por medo é uma ferramenta motivacional que pode gerar efeitos colaterais. Quando o empregado sente que está sendo constantemente vigiado, os processos criativos fecham-se. Também não tomam muitas iniciativas, pois têm receio de errar e serem penalizados, além do trabalho em equipe não fluir muito bem, pois a comunicação não ocorre.

Quando o supervisor recorre muitas vezes a castigos, mesmo sendo apenas ameaças, os funcionários tendem a ficar mais insensíveis e, ao invés de se envolverem com o trabalho, acabam se separando dele e deixando a qualidade de lado. Esse método acaba gerando o que o gestor pretendia prevenir.

Motivações baseadas em recompensas

Algumas empresas já pensam diferente. Oferecem recompensas para produtividade, comissão para vendedores ou um prêmio anual para o melhor funcionário. Aparentemente, essa opção é mais positiva, mas ela também tem suas desvantagens.

Pense em um funcionário comissionado que bateu sua meta dois meses seguidos. O salário teve aquele bônus por duas vezes e isso basta para se acostumar com o valor mais alto. Então, no terceiro mês, as vendas caem e esse mesmo colaborador não produz o esperado, não recebe a comissão e, então, é depositado somente o salário base. A tendência é que o empregado se sinta financeiramente lesado, desconfiado com os cálculos do pagamento e desapontado com si mesmo.

Da mesma forma o reconhecimento pelo bom trabalho ou rótulos como “o funcionário do mês” podem criar um ambiente extremamente competitivo e, se um dos funcionários ganhar o prêmio por repetidos meses, isso pode gerar uma relação predatória na equipe.

Se você prefere usar o reconhecimento como forma motivacional, que tal avaliar diferentes habilidades ou englobar diversos mercados? Assim diferentes funções dentro da empresa poderão receber essa atenção positiva.

Então, como motivar seus funcionários?

Pouca gente sabe que se incorporarmos o contexto daquele dito de Maquiavel citado no início do texto, a história muda. Na verdade, o que ele escreveu foi que o ideal é encontrar um equilíbrio entre os dois métodos, o que é a estratégia ideal para conquistar o respeito, no caso de um príncipe, do seu povo, e, no caso de um líder, dos seus colaboradores.

Na verdade, o que um bom líder deve incentivar é a automotivação. Sempre procure esclarecer o contexto daquela tarefa e também a relevância de se fazer um bom trabalho. Colaboradores mais engajados fornecem um serviço com mais qualidade quando conhecem para que e para quem estão fazendo aquilo.

Deve-se também identificar a personalidade de cada um na sua equipe. A partir disso, será mais fácil transmitir a motivação correta que ele precisa. Às vezes um funcionário precisa trabalhar mais com a criatividade, então o reconhecimento servirá para incentivar a imaginação, mostrar que ele tem liberdade para fazer sugestões. Outro caso pode ser de alguém que não está de acordo com as regras e normas da empresa, o que, nesse caso, precisa ser relatado e penalizado.

Conclusão

E, por fim, o mais importante de tudo, você deve estar motivado. Não adianta querer saber como motivar seus funcionários se não encontrar motivação em si mesmo. Pode não parecer, mas todos os funcionários prestam atenção na relação que seu líder tem com o trabalho e com a empresa. Se você não demonstra entusiasmo, orgulho e energia para liderar uma equipe ou realizar uma tarefa, seus colaboradores também não o farão.

E na sua empresa, como é feita a motivação dos funcionários? Conte-nos nos comentários e se quiser ler mais conteúdo como esse, é só seguir o Grupo Selpe no LinkedIn e no Facebook!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *